30.4.11

desistir?

Já não sei. Já não sei mais nada. Existe uma dor, uma enorme dor, dentro de mim que me está a consumir. Quero fazer algo que mude tudo, que realmente me deixa ser feliz de uma vez por todas. Tenho várias opções e nenhuma me agrada e muito menos me deixa feliz. Tenho a opção de te esquecer, a opção de nunca mais me lembrar de ti, a opção de te odiar, a opção de te deixar ir, a opção de te dizer adeus para sempre. Como já disse nenhuma delas me agrada ou me deixa feliz. Só me destroi-em mais por dentro, só me deixam mais vazia, mais só. Não, eu não quero, não posso e não desejo nenhuma destas opções. Eu quero-te como nenhuma outra te quis, eu amo-te como nunca ninguém te amo, eu admiro-te como nunca ninguém te admirou. Dizer-te adeus é uma blasfémia para a qual eu recuso olhar. Desistir? era bom, mas quando o coração e a alma se juntam são bem mais fortes que cada célula do meu corpo que me impele a dizer o derradeiro adeus.



8 comentários:

márcia disse...

pois, acho que todas as relações deveriam seguir aqueles 15 passos *.*
mas infelizmente nem sempre são assim :c
força para seguir em frente *

márcia disse...

e vai passar, tenho a certeza :)

Cár disse...

Gostei muito!
"Tenho a opção de te esquecer, a opção de nunca mais me lembrar de ti, a opção de te odiar, a opção de te deixar ir, a opção de te dizer adeus para sempre. Como já disse nenhuma delas me agrada ou me deixa feliz" adorei

Brunaa disse...

ja tou a seguir, segues?? :) bjs

márcia disse...

e onde está o botão do off? :c

márcia disse...

nem euu :D

Brunaa disse...

Oh... *.* Obrigada, és uma querida :)

Catarina disse...

obrigada :)
às vezes temos que desistir não porque não queremos continuar a lutar mas porque ja nao temos forças para nos ver a sofrer mais.
Força*
tou a seguir